Facebook
Mais arte e cultura do alumínio, de São Paulo para o Brasil – Centro Cultural do Alumínio

Em seu terceiro ano de atividades, o Centro Cultural do Alumínio deu um salto significativo em impacto e abrangência em seu propósito de disseminar arte, cultura e conhecimento sobre o metal. Foram três exposições de arte; quatro oficinas de arte para crianças e adolescentes; cinco workshops com alunos de moda, design, arquitetura e engenharia, além das visitas públicas que  – ao todo – levaram mais de 800 pessoas ao espaço cultural, em 2019.

O CCAL também ampliou sua participação para outras localidades do país. Na curadoria do projeto itinerante “Casa do Alumínio – uma experiência de arte, arquitetura e design” foi responsável pelo contato com artistas locais, realização de oficinas de arte e acolhimento dos visitantes de cada uma das cidades por onde passou. Somando as ações realizadas em São Paulo, às quatro paradas da Casa do Alumínio em Brasília (DF), Belém (PA), São Luís (MA) e Pindamonhangaba (SP), as atividades do CCAL atingiram, em 2019, mais de 4.000 pessoas.

No exterior, o CCAL ainda firmou uma parceria com a associação cultural portuguesa Atlas Violeta, para as comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho) em Portugal. O artista visual Valter Nu realizou uma oficina no espaço, do qual nasceu a maquete de uma imensa escultura em alumínio, que depois foi reproduzida e exposta no metrô da cidade do Porto.

A gerente cultural Silvia Toledo, também destacou as melhorias que o espaço – já bastante plural e acolhedor – recebeu em 2019: “o CCAL agora dispões de mais recursos de acessibilidade; mais tecnologia, com tablets e uma mesa touch; e uma nova área de exposições, com a unificação da biblioteca e do acervo museológico no recém-inaugurado Espaço de Conhecimento Ayrton Filleti”. E conclui: “o nosso acervo artístico e histórico também aumentou, com a aquisição de obras de arte e peças de design, além da doação de documentos e objetos antigos”.

O diretor cultural do espaço, Flávio Enninger, lembra que além dos investimentos em recursos multimídia, expansão do acervo e aumento das atividades culturais, o CCAL também lançou em 2019 o Prêmio Alumínio Arte e Design. “É mais uma maneira de demonstrar a importância do alumínio, não apenas em nosso dia a dia, mas nas artes e no design, sempre de forma gratuita ao público”.

Enninger ressalta ainda a importância do trabalho educacional realizado pelo CCAL, tanto em sua sede como no projeto Casa do Alumínio: “conseguimos levar arte e educação com alumínio para um maior número de pessoas, democratizando o acesso às atividades culturais e gratuitamente. Para 2020 planejamos várias ações, inclusive fora da nossa sede, para divulgarmos ainda mais o alumínio e suas diversas formas de aplicação nas artes e no design.”

A todos que, de alguma forma, participaram das ações realizadas neste ano, o Centro Cultural do Alumínio deseja um Feliz Natal e um 2020 com muita arte e cultura. Retomaremos nossas atividades a partir do dia 06 de janeiro de 2020, às 9h.

As atividades e manutenção do Centro Cultural do Alumínio são uma realização do Ministério da Cidadania, Quattro Projetos e Instituto Cultural Quattro, com o patrocínio das empresas Alcoa, CBA, Hydro e Novelis.